Falamos bastante da influência do salto alto na circulação, mas sabia que há um comprometimento ortopédico também? 

Por causa do calcanhar elevado, o centro de gravidade do corpo é jogado para frente. Para compensar essa inclinação, tende-se a “empinar” o bumbum, jogando o tronco para trás e causando uma hiperlordose, que compromete a postura de quem está crescendo.

Panturrilha

Se contrai, e, em meses podem “encurtar”, causando dor quando não se usa salto.

Músculos do Calcanhar

Podem ficar comprimidos e por isso menos flexíveis.

Reto e Seguro?

O salto do tipo plataforma é menos nocivo mas dá a falsa sensação de pisada firme, o que facilita torções e quedas.

Com a inclinação e a distribuição do peso do corpo, piora e se concentra nas articulações dos joelhos. Essa sobrecarga pode gerar dores.

Como o peso é distribuído

  • Em saltos menores de 3 cm – 50% peso nos calcanhares e 50% do peso na ponta dos pés
  • Em saltos maiores do que 6 cm – 10% do peso nos calcanhares e 90% do peso na ponta dos pés

Sexto dedo?

O salto transfere até 90% da pisada para a frente do pé. Essa pressão pode virar uma joanete que é um “calo” formado pelo desvio dos ossos o que é agravado por calçados de bico fino.

  • 11 cm é a altura média dos saltos usados em concursos de Miss.
  • 3 cm é a altura máxima de um salto “inofensivo” à saúde.

Responder